Archive for the ‘Instrumental’ Category

História Oral – Samantha Quadrat

agosto 13, 2007

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE
Centro de Estudos Gerais
Instituto de Ciências Humanas e Filosofia
Área de História
Departamento de História
Curso de Graduação em História

Professora: Samantha Viz Quadrat
Disciplina: História Oral
Código:            
Carga Horária: 60h/semestrais
Disciplina Instrumental

Período: 2/2007
Turma: Noite
Horário: 4ª: 20/22 – 6ª: 18/20

PROGRAMA DE DISCIPLINA
Título: História Oral

Objetivos:
• Discutir a relação entre História, Memória e História e o testemunho oral.
• Trabalhar as questões práticas da História Oral: ética, metodologia e técnica.
• Discutir trabalhos historiográficos que tenham como base a História Oral.
• Incentivar o uso de fontes orais no trabalho final de conclusão da disciplina.

Programa:
Unidade 1: História, memória e o testemunho oral: Esta unidade pretende discutir a relação entre a História Oral e as modernas correntes historiográficas, entre elas, a História do Tempo Presente e a renovação da História Política. Além disso, esta unidade discutirá a importância da questão da construção e da batalha pelas memórias e os desafios da História Oral diante desse quadro.
Unidade 2: O uso de fontes orais: questões éticas, metodológicas e técnicas: Esta unidade pretende discutir o tratamento da fonte oral em seus diversos aspectos, desde as questões éticas que envolvem a relação entre entrevistado e entrevistador, até a melhor técnica de armazenamento de um depoimento oral. Pretendemos também, nesta unidade, discutir questões metodológicas (como a organização de um roteiro de entrevista) e questões técnicas relativas à realização das entrevistas, transcrição e edição das mesmas.
Unidade 3: Estudos de casos: Esta unidade discutirá trabalhos historiográficos com fontes orais sobre temas como gênero, escravidão, situação-limite, mundo do trabalho, biografias, etc.

Bibliografia básica:
1. ALBERTI, V.; FERREIRA, M. M.; FERNANDES, T. M. História oral: desafios para o século XXI. Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2000, v. 1. 201 p.
2. CARNOVALE, Vera, LORENZ, Federico y PITTALUGA, Roberto (comps.). Historia, memoria y fuentes orales. Buenos Aires:Memoria Abierta/CeDInCI, 2006.
3. FERREIRA, Marieta e AMADO, Janaína. Usos e Abusos da História Oral. RJ, FGV, 1996.
4. LUGÃO, Ana e MATTOS, Hebe. Memórias do Cativeiro. Família, Trabalho e Cidadania no Pós-Abolição.  Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2005.
5. PEREIRA, Maria Ligia Leite. “Algumas reflexões sobre histórias de vidas, biografias e autobiografias”. In: História Oral – Revista da Associação Brasileira de História Oral, 3, 200, p. 117-27
6. POLLAK, Michael y Nathalie Heinich, 2006. “El testimonio” in: CATELA, Ludmila (org). Memoria, olvido, silencio. La Plata: Ediciones Al Margen, 2006.
7.______________.“Memória, esquecimento e silêncio”. In: Estudos Históricos, nº 3, Rio de Janeiro, 1989.
8. SALVATICI, Silvia. “Memórias de gênero: reflexões sobre a história oral de mulheres” In: História Oral – Revista da Associação Brasileira de História Oral, v. 8, nº 1, p. 29-42, 2005.
9. SCHWARZSTEIN, Dora. “História Oral, memória e histórias traumáticas”. In: História Oral – Revista da Associação Brasileira de História Oral, v.4, 2001, p. 73-83
10. THOMPSON, Paul. A Voz do Passado. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1992.

Avaliação:
Trabalho de final de curso utilizando a História Oral.

Anúncios

História e Arquivologia – Georgina Santos

agosto 13, 2007

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE
Centro de Estudos Gerais
Instituto de Ciências Humanas e Filosofia
Área de História
Departamento de História
Curso de Graduação em História

Professor:    Georgina Santos
Disciplina:    Instrumental
Curso: História e Arquivologia
Eixo Cronológico: Época Moderna
Linha Temática: Ideologia, Cultura e Mentalidades

Período: 2/2007
Turno: Manhã
Horário: 10 às 12 horas

Programa de Disciplina
Título: História e Arquivologia

Objetivos:
* Apresentar e analisar alguns documentos arquivísticos passíveis de análise seriada.
* Analisar alguns títulos recentes da historiografia brasileira que utilizam a documentação arquivística, seus métodos e técnicas de pesquisa.

Unidades:
Unidade I – Tipologia das fontes seriais para a história sócio-cultural do Brasil Colônia.
1.1.    Inventários e Testamentos
1.2.    Registros paroquiais
1.3.    Cartas de alforria
1.4.    Processos inquisitoriais
1.5.    Familiaturas do Santo Ofício
1.6.    Fontes eclesiásticas: visitas episcopais e processos
1.7.    Correspondência das ordens religiosas
1.8.     Livros de receita e despesa das irmandades

Unidade II – As fontes arquivísticas e os temas da historiografia do Brasil Colonial
2.1. Casamento, concubinato, família e cultura material
2.2. Pobres e excluídos
2.3.. Forros e sinhás
2.4. Feitiçarias e calundus
2.5. Agentes inquisitoriais
2.6. Agentes da missionação

Bibliografia Básica (máximo de 10 obras):
LE GOFF et alli. Enciclopédia Einaudi. Memória – História. Lisboa: Imprensa Nacional – Casa da Moeda, 1984.
CALAINHO, Daniela. Agentes da Fé. Bauru: Edusc, 2006.
FIGUEIREDO, Luciano. O Avesso da Memória. Rio de Janeiro: José Olympio: Brasília: Edunb, 1993.
FRAGOSO, João. “Inventários Pos- Mortem” Revista Arrabaldes, 1989.
FARIA, Sheila de Castro. A Colônia em Movimento. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1998.
MENDONÇA, Pollyanna Gouvêa. Sacrílegas Famílias. Dissertação de Mestrado – Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2007.
SOUZA, Laura de Mello. O Diabo e a Terra de Santa Cruz. São Paulo: Companhia das Letras, 1986.
___________________. Desclassificados do Ouro. Rio de Janeiro: Graal, 2004, 4ª. Edição.
VAINFAS, Ronaldo. A Heresia dos Índios. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.
WOOD, Russel. Fidalgos e Filantropos. Brasília: Edunb, 1991.

Avaliação:
Trabalho escrito e prova.